Notícias

Agrobusiness global na mira dos transformados plásticos brasileiros

Responsável por 11% do PIB argentino; 7% do colombiano; 6% do brasileiro; 4% do mexicano e chileno (dados de ano-referência 2017), o agrobusiness é uma força motriz das Américas e mostra-se uma excelente alternativa de expansão global para os transformados plásticos brasileiros. De olho neste segmento o Think Plastic Brazil fortalece seus investimentos e atividades permitindo a criação de um cenário favorável à entrada e expansão de companhias neste mercado internacional.

Em encontro com empresários interessados na área, Cristina Sacramento, especialista do Think Plastic Brazil, realizou uma explicação ampla das possibilidades e dos números referentes a este nicho. “O Brasil possui 282,59 mi de ha de superfície agrícola – 33% território. A Argentina possui 32 MI de ha de terras produtivas. Já o Chile possui inegável vocação agrícola, com 1/3 de 75,6 milhões de ha com potencial agropecuário. Colômbia possui 37,8 milhões de ha em agropecuária e o México 107 mi de ha de superfície agrícola – 55% território”, falou Cristina Sacramento aos empresários.

João Alberto Panceri, diretor geral da Propex do Brasil afirmou que a iniciativa foi muito importante para a abertura de novos canais de exportação: “isso poderá viabilizar diversos pontos dos mercados da América do Sul e de outros continentes”, explicou.

Lucio Mauro Bovo, da Tecelagem Roma, disse que o evento foi extremamente proveitoso: “além de conhecermos mais sobre os mercados, pudemos também trocar ideias com os outros transformadores de plástico para aprimorar as exportações”, complementou.

Se quiser saber mais sobre as atividades de expansão internacional em agrobusiness do Think Plastic Brazil entre em contato conosco pelo email cristina.sacramento@thinkplasticbrazil.com.