Notícias

TruCost calcula custo ambiental de se substituir o plástico e o resultado é impressionante!

Em seu artigo para a Folha de S. Paulo dia 22 de maio (“Plástico: o perigo da demonização”) o presidente do Instituto Akatu faz uma provocação: “Caso você tivesse o poder de extinguir o plástico da Terra, você o faria?”. O doutor em engenharia industrial pela Universidade de Stanford, nos EUA, explica que apesar de muitas pessoas ainda demonizarem o plástico e responderem automaticamente sim a esta questão, a substituição do material por outros (alumínio, papelão e vidro, entre outros), aumentaria em 280% o “custo ambiental”, passando de USD139 bilhões para USD533 bilhões. “O custo ambiental expressa o valor monetário dos impactos sobre o meio ambiente de uma determinada atividade. Em outras palavras, segundo esse estudo, substituir o plástico por outro material não só não traria benefícios ambientais mas causaria prejuízos adicionais”, diz Mattar em seu texto.

O estudo completo em inglês pode ser acessado aqui.