Notícias

Sustentabilidade do Plástico: você ainda vai ouvir falar muito sobre isso

O Instituto Nacional do Plástico está dando mais um passo rumo à inovação. Com o Projeto de Sustentabilidade, que está sendo desenvolvido em parceria com a Apex-Brasil, a equipe do Instituto irá trabalhar para implantar a ação na cadeia produtiva do plástico – foco na indústria de transformação. Com atenção especial aos quatro pilares da Sustentabilidade (Econômico, Social, Ambiental e Cultural), o projeto tem como principal objetivo o aumento da competitividade internacional por meio da implantação ou consolidação do ciclo de sustentabilidade no sistema organizacional da empresa.

As ações do Projeto vão se iniciar em setembro de 2014 e irão durar por um ano. A primeira fase será de contratação de uma empresa especializada que irá conduzir este trabalho, em seguida será feito, no Brasil, um diagnóstico do setor para verificar as iniciativas sustentáveis existentes assim como as oportunidades. Já no mercado internacional, será feito um levantamento de boas práticas. Após estas fases, será construído um Indicador de Sustentabilidade para o setor.

TPB155_Sustentabilidade

Os transformadores plásticos participantes deste Projeto receberão um diagnóstico, visitas técnicas e terão a oportunidade de participar de oficinas de co-formação – sensibilização e capacitação. Ao final, será criado um guia de sustentabilidade com diretrizes para aprimoramento e possível adequação ao padrão internacional visando a um aumento de competitividade.

“Hoje a sustentabilidade é um tema que nenhum empreendedor deve ficar alheio, independente do seu porte, pois o mercado está exigindo. É uma questão de competitividade, não dá para ignorar”, afirma Marco Wydra, gerente Executivo do Think Plastic Brazil e um dos idealizadores do Projeto.

Sua empresa já investe em sustentabilidade? Compartilhe conosco as suas boas práticas. Ficou interessado em participar deste projeto? Quer receber visitas na sua empresa? Fale com Marco Wydra (marco.wydra@thinkplasticbrazil.com) e entre de cabeça neste projeto.

 

Fonte: Think Plastic Brazil