Hispack 2024 gera US$ 1 milhão em novos negócios a associados do Think Plastic Brazil

Feira Internacional

Com o apoio do Consulado do Brasil em Barcelona, da ApexBrasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos) e do Think Plastic Brazil, portfólio de soluções para o setor de produtos transformados em plástico no processo de industrialização para os mercados-alvos, realizado por meio de uma parceria entre a ApexBrasil e o INP (Instituto Nacional do Plástico), a delegação de seis empresas brasileiras que esteve na Hispack 2024 gerou US$ 1 milhão em novos negócios. Foram elas: Embaquim, GDM Plásticos, Parnaplast, Pulit, Videplast e Zaraplast. As empresas participantes foram destacadas no Yearbook, para que os compradores internacionais acessassem o catálogo virtual por meio de um QR Code no estande e pudessem contactá-las mesmo após a feira.  

A feira, que ocorreu em Barcelona de 7 e 10 de maio, é estratégica para os associados do Think Plastic Brazil, pois se trata do evento mais tradicional da Espanha para o mercado de embalagens e movimenta não apenas a Península Ibérica, mas todo o entorno europeu e o norte da África. 

Em 2022, as exportações das empresas associadas ao Think Plastic Brazil alcançaram um valor de US$ 21.416.603, enquanto as exportações totais do Brasil para a Espanha foram de US$ 36.940.151, representando uma participação significativa de 57,98% das empresas do Think Plastic Brazil no total das exportações brasileiras do setor. 

“Embora as exportações das associadas ao portfólio tenham caído para US$ 12.676.623, representando uma queda de 40,81% em comparação ao ano anterior, as empresas do Think Plastic Brazil mantiveram uma participação de 50,37% no total das exportações do setor, demonstrando ainda uma posição relevante no mercado”, aponta Carlos Moreira, diretor-executivo do Instituto Nacional do Plástico e de projetos do Think Plastic Brazil.

“A oportunidade foi valiosa para avaliarmos, na prática, como o país tem reagido às novas exigências para uso de filmes de plástico virgem. Levamos nossa alternativa de bag in box com percentual de PCR, que foi muito bem recebida pelas empresas da área química, e ainda pudemos obter uma visão geral do parque de máquinas de embalagem que atuam na Espanha, que é um ótimo direcionador para quais alternativas de packaging são as mais viáveis”, conta Renata Canteiro, diretora técnica e ESG da Embaquim. “Também entramos em contato com clientes que utilizam especialidades e têm dificuldades em encontrar embalagens com tamanhos e volumes personalizados, o que abre portas para nossos produtos”. 

Durante a feira, as empresas fizeram 63 novos contatos, que geraram a expectativa de US$ 2,6 milhões em novos negócios, fechando, assim, mais uma participação de sucesso do Think Plastic Brazil na Hispack.

 

Sobre o Think Plastic Brazil 

O Think Plastic Brazil foi criado em dezembro de 2003, quando a cadeia brasileira de plásticos integrados foi selecionada como uma das 10 maiores do mundo e reconhecida por sua alta tecnologia, assim como pela capacidade de seus recursos humanos. O projeto é realizado em parceria com a ApexBrasil (Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos), sob a coordenação do Instituto Nacional do Plástico (INP), para promover a exportação de produtos plásticos transformados.

www.thinkplasticbrazil.com

 

Sobre o INP

Fundado em 1989, o Instituto Nacional do Plástico (INP) surge em meio ao processo de globalização e da necessidade de tornar o mercado plástico mais competitivo internacionalmente. Sua força e representatividade se dão devido à união da Associação Brasileira da Indústria do Plástico (ABIPLAST), da Associação Brasileira da Indústria Química (ABIQUIM) e do Sindicato das Indústrias de Resinas Sintéticas no Estado de São Paulo (SIRESP).

O objetivo do INP, como entidade tecnológica setorial, é ser a vertente de toda a cadeia produtiva do plástico no Brasil. Para isso, a entidade mantém um extenso programa de qualificação da mão de obra, promove o acesso às mais modernas tecnologias, em especial às pequenas e médias empresas, e desenvolve Normas Técnicas para a fabricação de produtos com melhor qualidade.​

 

Sobre a ApexBrasil

A Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil) atua para promover os produtos e serviços brasileiros no exterior e atrair investimentos estrangeiros para setores estratégicos da economia brasileira. Para alcançar os objetivos, a ApexBrasil realiza ações diversificadas de promoção comercial que visam promover as exportações e valorizar os produtos e serviços brasileiros no exterior, como missões prospectivas e comerciais, rodadas de negócios, apoio à participação de empresas brasileiras em grandes feiras internacionais, visitas de compradores estrangeiros e formadores de opinião para conhecer a estrutura produtiva brasileira entre outras plataformas de negócios que também têm por objetivo fortalecer a marca Brasil.